Atividade física direcionada para a Sua Saúde




A atividade física é definida como uma forma de movimento na qual o corpo gasta energia. Se você observar, muitas das nossas atividades do dia a dia, como caminhar com o cachorro, caminhar até o banco ou fazer uma faxina em casa já constituem atividade física. No entanto, nem todas garantem benefício na prevenção de doenças.

De qual benefício estamos falando? Existe forte evidência científica, em vários estudos e para várias condições, de que a manutenção de atividade física regular, na medida em que melhora a capacidade física, diminui o risco de várias doenças crônicas (inclusive diabetes, infarto do miocárdio e câncer), inclusive, há, também, relação entre essa capacidade física e o risco de morte.

Para nos beneficiarmos da atividade física, devemos realizá-la em uma intensidade que faça com que respiremos com maior frequência e nossa frequência cardíaca (o número de batidas do seu coração) acelere. Essas atividades (também chamadas de atividades físicas aeróbias) incluem: caminhar rápido, correr, dançar etc. São atividades que devem ser realizadas de forma contínua e por, no mínimo, 10 minutos. Ou seja, para a maioria das pessoas, essas atividades do dia a dia não são consideradas atividades físicas, porque a frequência cardíaca e o ritmo da respiração NÃO se alteram.

Consideramos atividade física leve aquela que, apesar de aumentar a frequência cardíaca e a respiração, não causa sudorese. A atividade física moderada é aquela que, como consequência, temos sudorese, como:  andar rápido, aulas de aeróbica, tênis em duplas etc. Uma maneira de sabermos se a atividade física é moderada é quando conseguimos falar uma frase curta, mas não conseguimos falar uma frase extensa ou cantar uma música sem ter que parar para respirar no meio. A atividade intensa é aquela na qual você cansa rápido e só consegue falar algumas palavras. Como exemplo, temos: correr, jogar tênis ou basquete etc. A vantagem dos exercícios físicos intensos é que, nesse caso, o benefício é obtido em um tempo menor de atividade, conforme veremos a seguir.

Como falamos acima a regularidade é muito importante, mas devemos realizar a atividade em, no mínimo, duas vezes por semana. No caso de exercício leve a moderado, o tempo de atividade física deve ser de, no mínimo, duas horas e meia por semana (cento e cinquenta minutos por semana ou, de forma ótima, em três vezes de cinquenta minutos por semana). Já no caso de atividade física intensa, devemos realizá-la por, pelo menos, uma hora e quinze minutos por semana (setenta e cinco minutos por semana ou, de modo ótimo, trinta minutos por três vezes na semana).

Conheça conteúdos de Educação Física para estudo. Sao ebooks, cursos, guias... Clique aqui!




Comente:

Nenhum comentário