O bom funcionamento da próstata




http://www.revistadinamica.com.br/site/images/cancer-.jpg

A próstata é uma glândula exclusiva do sexo masculino e possui função biológica relevante na fase reprodutora do homem. O câncer nesta glândula é a segunda maior causa de mortes masculinas pela doença.

Ela compõe o aparelho genital masculino, está localizada abaixo da bexiga e a sua função é produzir o líquido prostático que ajuda no transporte e na nutrição dos espermatozoides.

Para seu bom funcionamento, o indivíduo precisa manter os cuidados com a saúde. Deve-se primeiramente se prevenir de doenças sexualmente transmissíveis e, a partir dos 40 ou 45 anos, deve-se acompanhar regularmente com urologista. Vida saudável, boa dieta alimentar com baixo teor de gordura e a ingestão de alguns alimentos como tomate, linhaça e brócolis também colaboram para o bom funcionamento da próstata, pois são ricos em nutrientes que previnem o surgimento do câncer.

Os principais problemas da próstata são: HBP (Hiperplasia Benigna da Próstata), que é o crescimento da glândula, processos infecciosos – prostatites –, e o mais temido, que é o câncer da próstata – cuja maior incidência é em indivíduos com mais de 50 anos, negros e também em quem tem casos de histórico familiar.

Acesse o Faça Fisioterapia

O diagnóstico é feito a partir da história clínica de cada paciente. O especialista avalia os sintomas apresentados no exame físico – toque retal – juntamente com os exames complementares, como o PSA (antígeno prostático específico), proteína que só a próstata produz e que se eleva muito nos casos de câncer.

Os tratamentos dessas doenças podem ser variados – clínicos ou cirúrgicos –, mas isso depende de cada situação e do estágio que a doença se apresenta, além da idade do paciente e das suas condições clínicas.

Existem dois tipos de prostatectomia, ou remoção da próstata: a radical, indicada em casos de câncer, que pode ser feita de várias formas – laparoscopia (vídeo), cirurgia tradicional ou robótica – técnica mais recente utilizada nesses casos. Ou a prostatectomia a céu aberto, que retira apenas a parte da próstata que cresceu e é indicada nos casos de HBP.

Além dessas, ainda existe a ressecção transuretral de próstata, que é feita através da uretra, por meio de equipamento endoscópico e também consiste na retirada total ou parcial da glândula, dependendo de cada caso.

Prevenções das doenças de próstata são simples. É necessário fazer acompanhamento regular com o urologista e seguir todas as orientações dadas por ele. Dessa forma é possível identificar qualquer alteração precocemente.


Comente: